BRASILVITA
Atenção: Esta loja está em Implantação. Nenhum pedido deverá ser considerado. Itens expostos são apenas testes. Aguarde e volte em breve!
Pular Navegação (s)
02/04/2019

BETA ALANINA

COMO TOMAR BETA-ALANINA.

ENTENDA AQUI!

BETA-ALANINA: O QUE É?

A beta-alanina é um aminoácido precursor limitante da síntese da carnosina, uma molécula predominantemente armazenada no músculo esquelético, que atua regulando a acidez do tecido muscular. O aumento da carnosina é considerado um fator de reforço das capacidades físicas e diminuição da fadiga muscular.

Além disso, sua abundância no músculos sugere que ela desempenha papel importante na redução dos danos oxidativos e na homeostase de diferentes tipos celulares, de modo que essa molécula é vista como um promissor agente ergogênico. Nesse contexto, assegurar os níveis de beta-alanina no organismo é fundamental para aumentar a disponibilidade de carnitina e, desse modo, dispor dos seus efeitos benéficos. Saiba como tomar beta-alanina, por que tomar e qual a quantidade ideal do suplemento.

POR QUE TOMAR BETA-ALANINA?

A beta-alanina é um aminoácido não proteinogênico, ou seja, que não participa da estrutura primária de proteínas. É produzida endogenamente no fígado, no entanto, a taxa de síntese é relativamente baixa, o que demonstra a necessidade de adquirir esse aminoácido por meio da dieta, consumindo alimentos como carne de porco, peixes e aves, ou suplementos.

A suplementação de beta-alanina é eficaz em elevar o conteúdo intracelular de carnosina, efeito benéfico para indivíduos praticantes de atividades físicas, já que, entre diversas ações, essa molécula atua como um potente agente antioxidante, torna o músculo mais resistente à fadiga, auxilia na hipertrofia muscular e melhora a performance em exercícios de alta intensidade

DOSAGEM RECOMENDADA E COMO TOMAR:

A dosagem gira em torno de 4 e 6 gramas/dia, utilizados todos os dias, mesmo quando não houver prática de exercícios. O efeito da beta-alanina é crônico e não agudo como muitos pensam. Essa confusão vem do efeito conhecido como parestesia (sensação de formigamento), que ocorre logo após a ingestão de beta-alanina. Inclusive, para evitar esse leve desconforto, recomenda-se fracionar a dosagem sugerida (4-6 gramas) em 3 ou 4 tomadas ao longo do dia. 

Se o objetivo é otimizar a performance em alguma competição específica, onde a suplementação de beta-alanina vá de encontro com a intensidade e duração da modalidade, recomenda-se que se inicie o protocolo de administração pelo menos entre 2 e 4 semanas antes. Somente assim o atleta chegará no dia da competição com níveis intramusculares adequados de carnosina. Geralmente, uma sugestão prática, é utilizar a beta-alanina por períodos aproximados de 8 semanas. Usos prolongados não apresentam efeitos adversos, mas pode-se progressivamente perder a efetividade da suplementação. E, lembrando, seu uso deve ser reservado para as semanas mais intensas da periodização de treinamento.

BENEFÍCIOS DA BETA ALANINA

  • Reduz o ácido lático (ardência muscular);
  • Rápida recuperação após as series (incrível);
  • Aumenta a resistência e reduz a fadiga muscular;
  • Antioxidante (combate a oxidação celular);
  • “Combustível” muscular de alta absorção;
  • Aumenta a capacidade aeróbica (resistência);
  • Reduz a fadiga muscular;
  • Ideal para a hipertrofia muscular;
  • Prover resultados cientificamente comprovados;
  • Acelera a recuperação pós treino;
(87) 9 9800-0066